Vale a pena recuperar milhas expiradas para ganhar dinheiro extra?

Uma das grandes preocupações de quem ama viajar e é inscrito em programa de fidelidade é o prazo de validade das milhas aéreas. Na pandemia, muitos brasileiros perderam milhas e, consequentemente, acabaram também perdendo dinheiro, o que não é nada bom, hein?

Mesmo com os programas de fidelidade tendo um significativo crescimento no acúmulo e resgate de pontos, é importante saber se vale a pena recuperar milhas expiradas e transformá-las em uma fonte extra de renda. 

Por isso, preparamos um conteúdo especial para te ajudar a evitar que as milhas expirem e aproveitá-las ao máximo. Ah! E se as suas milhas estão dentro da validade, saiba tudo sobre como vendê-las e ganhar dinheiro. Confere a seguir!

pessoa sentada próxima à mesa faz contas enquanto usa o celular

O que acontece quando as milhas expiram

Deixar milhas expirarem é o pesadelo de qualquer consumidor. Além de perder a oportunidade de transformá-las em viagem, você perde também a possibilidade de fazer dinheiro. Sim! Por isso é tão importante saber se é vantagem recuperar milhas expiradas.

As milhas emitidas pelos programas de fidelidade, são pagas pelos consumidores direta ou indiretamente. Quando essas milhas acumuladas expiram, elas retornam aos programas de fidelidade que acabam lucrando com o seu prejuízo, o que não é interessante.

Alguns motivos levam ao aumento da taxa de milhas expiradas, como a falta de atenção às datas de validade ou a pouca informação sobre a possibilidade de venda dessas milhas. Por isso é importante saber quais cuidados tomar para evitar que suas milhas expirem.

Aumento no acúmulo de milhas

Segundo a ABEMF, Associação Brasileira das Empresas do Mercado de Fidelização, o saldo anual de pontos/milhas acumulados pelos brasileiros em 2020 foi de 236,7 bilhões. O receio de fazer viagens por causa da pandemia tem feito com que muitos percam a bonificação.

Nesse caso, alguns cuidados são necessários para não perder essas milhas e nós explicamos para você agora o que deve ser feito.

Cuidados para evitar que as milhas expirem

Se você está inscrito em um programa de fidelidade e tem milhas aéreas, é preciso tomar alguns cuidados para que elas não expirem:

  • Invista em apenas um programa para conseguir administrar melhor suas milhas e evitar perdê-las;
  • Caso seu plano de fidelidade não te dê milhas vitalícias, você precisa ficar atento às datas de validade, já que esse é um dos motivos mais comuns da perda. Para não perder nenhum prazo, você pode adicionar lembretes na sua agenda, por exemplo;
  • Mesmo que não possa realizar viagens dentro dos prazos estabelecidos, existem outras opções para a utilização das suas milhas e vender é sempre a melhor saída

Se ainda com esses cuidados suas milhas expiraram, alguns programas de fidelidade permitem a recuperação. O mais importante nesses casos é ter atenção redobrada às condições oferecidas e aos períodos promocionais para analisar se vale a pena reativar suas milhas.

mãos segurando um cifrão amarelo

Programas que permitem a reativação de milhas

Se você quer saber como recuperar milhas, saiba que já existe uma opção que já te permite fazer isso. Recentemente, a GOL Linhas Aéreas lançou, no programa Smiles, a opção para reativar milhas de forma rápida e fácil em apenas três passos:

  • Passo 1: A primeira coisa que você deve fazer é acessar sua Conta Smiles e identificar a quantidade de milhas que você deseja reativar.
  • Passo 2: Após isso, o programa vai gerar uma cobrança para reativação das milhas e a taxa pode ser paga em até 10x sem juros no cartão. Ah! O valor da taxa também é bem acessível. A recuperação pode ser feita a partir de mil milhas e cada lote vale R$40.
  • Passo 3: Após a confirmação do pagamento, suas milhas já estarão disponíveis para serem utilizadas. As milhas recuperadas valem 1 ano a contar do dia em que foram reativadas.

De acordo com o programa de fidelidade, o prazo para recuperar milhas sofre variação. Enquanto o Smiles permite a reativação de milhas expiradas nos últimos 90 dias, o LATAM Pass e o TudoAzul permitem a renovação de pontos expirados nos últimos 180 dias.

Vale a pena resgatar milhas?

Se você ainda tem dúvidas se realmente vale a pena resgatar milhas expiradas, a resposta é “sim”. Existem muitas vantagens e a maior delas diz respeito ao custo benefício. Quer saber o porquê?

Imagine que você está para fazer uma viagem e precise de 1000 milhas para completar o montante necessário para o trecho. E essa é exatamente a quantidade de milhas que você deixou expirar e estão disponíveis para serem reativadas.

Se optar por comprar as 1000 milhas, elas vão custar, em média, R$70. Já se escolher pela reativação, vai pagar R$40 pelo lote, como já mencionado. Assim, o valor do resgate será menor do que o valor da compra e você ainda vai economizar R$30.

O que fazer com as milhas que foram reativadas

Se você conseguiu recuperar milhas expiradas, vender pode ser a melhor opção, mas lembre-se: o importante é nunca deixar suas milhas expirarem. Por isso, siga as instruções MaxMilhas dos cuidados que devem ser tomados para evitar que isso aconteça.

E caso precise vender, nós garantimos as melhores condições do mercado. Não é demais? Então aproveite! Acesse nosso site e venda suas milhas de forma rápida ou convencional!

Deixe um Comentário