Mil milhas aéreas: como juntar em 1 mês

Com estas dicas incríveis para acumular milhas aéreas vai ficar mais fácil realizar a viagem dos sonhos ou gerar uma renda extra. Confira!

Neste artigo, ensinaremos a você um monte de dicas para juntar mil milhas aéreas em apenas um mês. Assim, você aprenderá como juntar as milhas necessárias para tirar do papel aquela tão sonhada viagem ou até mesmo fazer uma renda extra!

Leia também: Como aumentar o limite do cartão de crédito te ajuda a conseguir mais milhas?

Funciona assim: ao comprar passagens na companhia aérea do programa que está cadastrado, você acumula milhas. A maioria dos programas também tem parceria com outras empresas, assim você também ganha milhas quando consome produtos e serviços nelas.

Atualmente, os principais programas de milhas no Brasil são:

Vale lembrar que o cadastro é totalmente gratuito e bem simples: basta acessar o site da empresa que oferece a bonificação e preencher o formulário! Você também pode acompanhar toda a movimentação das suas milhas pelos aplicativos dos programas.

O cartão de crédito como seu aliado para ganhar mil milhas aéreas

Mão de um homem operando máquina de pagamento com cartão de crédito.

O cartão de crédito pode ser um grande parceiro na hora de acumular milhas. Atualmente, existem diversos programas de pontos de bancos e operadoras de cartões em que seus gastos no cartão de crédito geram pontos.

Esses pontos acumulados no cartão ainda não são milhas aéreas. Cada banco ou operadora de cartão tem suas formas de uso dos pontos, mas a maioria deles permite a transferência dos pontos para programas de milhas. 

Então, ao concentrar todos os seus gastos no cartão de crédito você ganha mais pontos que podem virar as tão sonhadas mil milhas aéreas

Comprou um pãozinho na padaria? Passe no cartão de crédito! Aqueles R$5 podem parecer pouca coisa, mas já podem virar alguns pontos!

Alguns cartões de créditos, como o Pão de Açúcar Mais Itaucard, gera um ponto por real gasto. Clientes Gold e Platinum podem transferir esses pontos para o programa TudoAzul na equivalência de 1 ponto para 1 milha. 

Ou seja, ao gastar R$ 1000 no seu cartão de crédito com as compras que já faria, você acumula mil milhas aéreas. Viu como foi fácil?

Veja agora: Como ganhar milhas com Picpay: tudo o que você precisa saber para acumular mais

Assim como esse, existem diversos outros cartões de crédito que geram pontos e que podem ser transformados em milhas. Conferir as taxas de conversão oferecidas por cada cartão pode ajudar a escolher o ideal para sua necessidade. 

Assine um clube de milhas

Os clubes de milhas são um complemento dos programas oferecidos pelas companhias aéreas. Por meio de uma assinatura anual ou mensal, o membro tem direito a pontos ou milhas todos os meses, além de outros benefícios.

Além dos pontos ou milhas fixos de todos os meses, os participantes têm acesso a promoções exclusivas que vão desde bônus para transferência de pontos do cartão de crédito a desconto no resgate de passagens e até mesmo acesso às salas VIP das companhias aéreas!

Os clubes de milhas são a forma mais prática e rápida de ganhar mil milhas aéreas. Basta pagar a mensalidade em dia, que cairá na sua conta a quantidade de acordo com o plano contratado.

Contudo, nem sempre essa é a forma mais vantajosa de ser acumular, já que os pacotes podem não compensar o valor investido. Além disso, se você não se organizar com as milhas acumuladas elas podem acabar vencendo e aí é, literalmente, dinheiro jogado fora.

Atualmente, os principais clubes de milhas são Clube LATAM Pass, Clube Livelo, Clube Smiles e Clube Tudo Azul. Existem planos a partir de mil milhas por mês e podem ir até 20 mil. O valor varia de acordo com o pacote e se o pagamento é mensal, anual, parcelado ou anual à vista.

Por conta dos valores de assinatura mensal, os clubes de milhas são mais utilizados por pessoas que viajam com frequência em uma determinada companhia aérea.

O que fazer com as milhas acumuladas?

Cofrinho dourado em formato de porco

O uso mais comum das milhas é na troca de passagens aéreas. Contudo, pode acontecer de você acumular uma quantidade maior que a necessária para a sua viagem. Ou ainda: você não ter tempo de viajar antes das milhas expirarem.

Para ambos os casos, a melhor solução é vender suas milhas. Esta é uma maneira vantajosa de não perdê-las e que normalmente traz um custo-benefício melhor que a troca por produtos.

Em uma plataforma segura e confiável, como a MaxMilhas, vender milhas é muito simples e prático. Basta definir a quantidade e o valor das milhas que deseja vender e acompanhar a transação pelo site ou app.

Agora que você já sabe como juntar mil milhas aéreas rapidinho, que tal colocar em prática?

Deixe um Comentário